Rio Open só em 2022

Facebooktwitterpinterest

Um dos últimos eventos de grande porte antes da pandemia foi o Rio Open, ainda em fevereiro de 2020. Foi possível viver todo aquele ambiente especial que esse torneio passa. Em fevereiro deste ano, foi a vez de revivermos bons momentos, enquanto era aguardada a decisão sobre o que aconteceria em 2021.

A previsão inicial era um remanejamento da data, mas a notícia – que no fundo era previsível – chegou. Segundo os organizadores do torneio havia a expectativa de um cenário mais nítido com relação ao controle da pandemia nos meses seguintes, o que permitiria a definição e aprovação de uma nova data, ainda em 2021. Até o momento, o cenário ainda é de indefinição.

Agora é aguardar fevereiro de 2022 quando poderemos estar de novo, todos juntos, no Jockey Club Brasileiro, onde o Rio Open é realizado.

A IMM tomou a decisão de suspender a realização de todos os eventos com presença de público, como foi o caso da edição presencial da São Paulo Fashion Week e do festival gastronômico Taste. A determinação foi de que a IMM só voltaria a realizar eventos quando fosse possível estabelecer protocolos que assegurassem a segurança de colaboradores, fornecedores e das pessoas que nos confiam seu momento de lazer.

“O cancelamento da edição 2021 do Rio Open é uma demonstração do respeito que temos pelo nosso público e pelo Rio de Janeiro. Mas podem estar certos de que estamos trabalhando para fazer da edição de 2022 uma grande celebração, um encontro inesquecível”, diz Márcia Casz, diretora geral do Rio Open.

O Rio Open

O Rio Open é o primeiro ATP World Tour 500 da história do Brasil, sendo um dos 22 mais importantes do calendário mundial. Maior evento esportivo anual do Rio de Janeiro, o torneio é exibido ao vivo para 170 países, levando imagens positivas do Rio de Janeiro para o mundo. Desde a primeira edição, reúne em média 50 mil pessoas por ano, sendo  30% de fora da cidade.

“No momento em que anunciamos a não realização, já começamos a trabalhar para entregar uma edição ainda mais especial para matar essa saudades que 2021 vai deixar”, diz Luiz Carvalho, diretor do torneio.

Desde 2014, o público do  Rio Open vem tendo a oportunidade de acompanhar nomes importantes do tênis nacional e internacional: Rafael Nadal, David Ferrer, Pablo Cuevas, Dominic Thiem, Diego Schwartzman, Laslo Djere, Cristian Garin , Kei Nishikori, Jo-Wilfried Tsonga, John Isner, Marin Cilic, Gael Monfis, Fabio Fognini,Felix Auger Aliassime, Carlos Alcaraz, Casper Ruud, Thiago Monteiro, Thiago Wild, entre outros.

Um dos projetos desse ano para conhecer melhor os sete anos do Rio Open, foi lançado o documentário Rio Open Doc, disponível na plataforma Now.

 

Facebooktwitterpinterest

Post Author: Cristina Dissat

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *