Fluminense vence América MG e está na briga da Libertadores

Facebooktwitterpinterest

Pra quem havia perdido o jogo contra o quase rebaixado Juventude, Fluminense e torcida tiveram na tarde deste domingo (21) uma baita reconciliação. No lado Sul do Maracanã, a galera tricolor colocou seu maior público desde o retorno aos estádios. Foram 14.168 presentes na partida, estimulados pela promoção de ingressos feita pela diretoria do clube carioca para as últimas três partidas no Maracanã (13.482 pagantes e renda de R$ 397.062,50).

Antes da bola rolar um momento especial no gramado. Jogadores posicionados e de repente todos se ajoelharam, com o punho cerrado para alto para uma manifestação contra o racismo. Uma imagem linda que ganhou aplausos.

 

O Jogo

Apesar de um primeiro tempo meio no estilo meio “cansado” das duas equipes, o Fluminense abriu o placar com Luis Henrique. Cobrança de falta pela esquerda, desvio pro meio da área e lá estava o garoto tricolor para marcar mais um, seguir na artilharia do Fluminense e ouvir a galera gritar “Uh, vem que tem, ‘é’ os moleques de Xerém,”.

O gol foi o suficiente pra animar a torcida, que, mesmo no intervalo do jogo, não parou de cantar em apoio ao Tricolor. No lugar que eu consegui me encaixar no meio de quase 15 mil torcedores, a galera se mesclava. Jovens, idosos, crianças, pais… enfim. Hoje teve de tudo na torcida do Flu!

Como se o 1×0 já não fosse o suficiente para sair com os três pontos, o tricolor arrumou um pênalti na reta final do segundo tempo. O capitão Fred pegou a bola, fez carinho, beijou, respirou fundo e aí você já sabe… Gol do Flu! Desde que voltou a jogar com torcida no Maracanã, esse foi o primeiro gol do ídolo do Fluminense, que ouviu do peito pra fora de todo o Maracanã “O Fred vai te pegar… O Fred vai te pegar!”.

Agora o Tricolor das Laranjeiras volta a jogar na quarta-feira, às 21h30 em confronto direto pela vaga na Libertadores contra o Internacional, também no Maracanã. A expectativa da galera é de que, apesar de um horário não tão agradável (coisa que eu ouvi de várias pessoas lá na saída), o público seja igual ou até maior visando o embalo do Fluminense.

Hora da Saída

As duas rampas de saída do setor Sul o pessoal aproveitou e fez muita festa na hora de deixar o Maracanã neste domingo. Dois registros de dois ângulos diferentes.

 

 

Hora da Chegada

Com uma venda antecipada abaixo das previsões, melhor não se preocupar com a chegada e bilheterias, certo? Não, errado. Vai entender. Pelo jeito, torcedores resolveram aproveitar o dia de sol, temperatura amena e todo mundo chegando junto. Resultado, foram bilheterias com longas filas e muita gente chegando atrasado nas arquibancadas.

 

Reportagem Gustavo Di Sarli– integrante da equipe do Projeto de Educação do FimdeJogo/DC Press e Agência UVA (Universidade Veiga de Almeida). Supervisão Cris Dissat.

Facebooktwitterpinterest

Post Author: Cristina Dissat

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *