Flamengo vence o clássico com o Vasco por 2 a 1

Facebooktwitterpinterest

Talvez uma questão resuma bem não só esse clássico, mas muitos jogos. Você pode ter um super elenco, mas ele tem que estar concentrado. Além disso, sempre os jogos vão ser estudados para que se encontrem brechas para conseguir bons lances, se o time tem um bom elenco.

Talvez por isso, o primeiro tempo tenha sido com um bom domínio do Flamengo e no segundo tempo, o Vasco tenha encontrado os melhores caminhos. E, depois de mais uma bobeira de Andreas, ter empatado a partida. O primeiro gol rubro-negro saiu logo no início da partida, enquanto a torcida cantava a música de homenagem aos garotos do ninho, com Filipe Luis. Já o empate do Vasco veio de uma arrancada de Gabriel Pec, que comemorou demais com a torcida.

Mesmo com domínio do jogo, não saia o gol, talvez por preciosismo, ou excesso de confiança. Zé Ricardo parecia manter a calma e conseguiu reverter o desenrolar do jogo. Várias substituições e muitos cartões amarelos. E quando precisa de jogador diferente, é o elenco que chama atenção. Mais uma partida ótima de Arrascaeta e golaço para garantir a vitória rubro-negra. (fotos Celso Pupo)

Torcidas de Flamengo e Vasco

Havia expectativa de muitos problemas entre as duas torcidas, no entorno do estádio Nilton Santos, e – pelo que acompanhamos – foi controlada. O policiamento era muito grande, tanto nos arredores quanto dentro do estádio.

Sem brigas, as duas torcidas deram um show. Pelo que observamos visualmente, a do Flamengo e mesmo mais distante da Tribuna de Imprensa foi possível ver e ouvir muito toda a comemoração. Estavam em maior número. Agora, como já relatei antes,  temos um problema de visão grande da Tribuna de Imprensa, em função de uma separação grande colocada nas arquibancadas, mas conseguimos um registro do Oeste Superior onde estava a do Vasco.

Foram 19.340 pagantes, 20.186 presentes e renda de R$ 691.103,00.

Chegada, Bilheterias e Acessos

Apesar de não gostar da opção de não ter venda de ingressos na hora do jogo, foi uma escolha acertada no clássico de hoje. Depois do que temos visto em relação à violência em outros estados, todas as decisões que possam ser tomadas para reduzir possibilidade de confronto é bem vinda.

O número de policiais era grande, os pontos críticos – como a Rua Henrique Schied – foram isolados, e até os times chegaram com escoltas acima do normal.

O resultado foi positivo.

O que chamou a atenção também foi a escolta na chegada dos dois times. Número maior de viaturas para o Vasco e policiamento a cavalo (três fileiras), vindo à frente do ônibus do Flamengo. Anda não tinha visto este tipo de procedimento.

 

 

Facebooktwitterpinterest

Post Author: Cristina Dissat

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.