Final de Clássico no Nilton Santos entre Botafogo 2 x 3 Vasco

Facebooktwitterpinterest

Aos 30 minutos de jogo, já tinha mudado o lead da matéria três vezes, porque os momentos da partida foram se alterando em minutos. No primeiro tempo só deu Vasco, até os 25 do segundo só deu Botafogo e de repente o Vasco muda de novo e marca dois gols em dois ataques em dois minutos. Não acabou, passava dos 40 quando o Botafogo marcou de novo, mas a comemoração foi tímida. Parecia que não estavam acreditando em mudanças. G, ls de Ribamar, Matheus Babi (2), Cano e Ygor.

Clássicos Diferentes

Os clássicos são os jogos mais estranhos sem público. Tem horas que nem parecia que era um Botafogo e Vasco. Para completar o horário do jogo – 20h30 – que também não é comum e completava o cenário. Mas é importante o registro e acompanhar esses momentos que ficarão na história do futebol.

De igual foi aquela situação que temos duas partidas dentro de uma só. Porque o Vasco jogou no primeiro tempo e o Botafogo no segundo. E depois, os dois jogaram. Não foi um bom resultado para o Botafogo, mas foi uma boa partida.

Vamos completar mais coisas diferentes desse domingo? Gol do Ribamar, depois de nos lances iniciais ter chutado a bola quase na linha do trem. Querem mais? Depois de não estar bem em campo, Honda foi substituído ainda no primeiro tempo, quando já passava dos 40 minutos. Não costuma ser uma atitude dos treinamentos, já que faltando tão pouco para acabar, o mais normal é esperar o intervalo.

Até névoa baixou no Estádio Nilton Santos e eu limpando o óculos, achando que estava embaçado. Não acabou. Ainda teve drone, com matéria feita durante o Fantástico. Já está de bom tamanho não é.

Apesar da névoa não interferir, o clima ficou meio esquisito com a substituição no primeiro tempo. Muitos lances errados no primeiro tempo, mas ao mesmo tempo duas ótimas defesas de Fernando Miguel. Já no segundo, quem jogou foi o Botafogo e o Vasco não conseguia melhorar.

E não percam as contas, ainda teremos na sequência mais dois Botafogo x Vasco, agora pela Copa do Brasil.

Facebooktwitterpinterest

Post Author: Cristina Dissat

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *