Empate entre a Lusa e Fluminense na Ilha do Governador

Facebooktwitterpinterest

Ir até o Estádio Luso Brasileiro dá, às vezes, a sensação que voltamos no tempo. Isso porque alguns detalhes fazem essa viagem acontecer, como a trilha sonora do Canal 100 no pré-jogo. O ambiente do estádio também ajuda a criar o clima, com o visual das montanhas ao fundo, o vento que bate gelado e o entorno que dá para ver pelas arquibancadas.

Assim foi para a partida entre Portuguesa x Fluminense, pelas semifinais do Campeonato Carioca. No placar, um gol pra cada lado e os dois de pênalti.

O jogo era especial para a Portuguesa, que está em um bom momento. Na entrada do time, tivemos até queima de fogos e que durou um bom tempo.

Jogo teve muitos momentos de lá e cá e a gente percebe isso, porque em alguns momentos fica até difícil fotografar e tuitar ao mesmo tempo. A gente acaba tendo que optar por falar do jogo antes e depois compartilhar a imagem. A Portuguesa foi melhor em vários momentos e o Fluminense em outros, ou seja, foi um placar justo.

Já no Twitter a galera reclamou muito da postura do Fluminense, mas não foi só online. Nas arquibancadas do Estádio Luso Brasileiro muita falação, reclamação e pressão. Em alguns momentos, inclusive, a sensação era que tinha gente demais por lá, do que deveria. Lógico que nas faltas as interpretações e gritaria pedindo cartão vinha de acordo com as conveniências. Acho que a arbitragem não imaginaria que isso aconteceria sem a presença de público, como tem ocorrido.

Alguns momentos meio bizarros, como um lance, no final do primeiro tempo, em que foram aqueles longos segundos com quatro jogadores praticamente colados à bandeira de escanteio. Dois machucados mais sérios, Hudson pelo Fluminense e Chay pela Lusa.

A decisão ficou para o próximo domingo, às 16h, no Maracanã. O Fluminense tem a vantagem do resultado.

 

Facebooktwitterpinterest

Post Author: Cristina Dissat

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *