Brasileirão 2021: Flamengo 2 x 0 Atlético GO

Facebooktwitterpinterest

Uma coisa a Torcida do Flamengo aprendeu, mas o time ainda não. Não está em época de troca de passes super velozes e arrancadas que sempre dão certo. A Torcida sabe que o time não anda bem, mas esquece e canta sem parar, mesmo quando não gosta muito do que vê.

O Flamengo tem que fazer o básico, o simples e o possível. É assim que vai funcionar, enquanto Arrascaeta não volta, não inventem muito. Deixem o menino Michael brilhar e voar. Ele tem sido o diferencial nas partidas. Não é a toa que foram dois gols dele nesse jogo com o Atlético GO.

O pessoal até lembra que era bom, mas quando vê, entende que agora não é hora, de cobrança de escanteio curtinha, de entender troca de olhares e mandar a bola perfeita na pequena área. Esquece, gente, isso era na época de Jorge Jesus. O melhor é fazer o básico para não dar bobeira.

Para aumentar a emoção do jogo, a galera via aquela avenida fácil nos contra ataques do Atlético GO . A sorte é que a zaga do Flamengo conseguiu segurar os ataques. Gabi e Andreas pouco inspirados.

Melhor só pensar nos três pontos, e ponto. (fotos de jogo, Rudy Trindade)

Público no Maracanã

Sempre procuramos entender alguns comportamentos dos torcedores para auxiliar com informações, inclusive para quem realiza o planejamento das partidas que, de vez em quando, dá aquela passadinha aqui no Fim de jogo.

Só que está difícil entender viu. Em algumas partidas, o pessoal chega antes, em outras em cima da hora e ainda tem o dia dos “muito” atrasados e dos “combo” com o basquete. Hoje, nesta sexta-feira de futebol, foi assim. Depois de registrarmos as arquibancadas por volta das 9h, quando viemos do Maracanãzinho, nova foto mostrou o setor Norte com muito mais gente e que chegou praticamente com a bola rolando.

Nas arquibancadas – 17.700 pagantes, 18.527 presentes e renda de R$ 730.540,00.

Homenagem – Marília Mendonça

Marília Mendonça deixou uma legião de fãs e foram muitas homenagens. No jogo de basquete, no Maracanãzinho, o DJ usou uma de suas músicas como trilha sonora, emocionando quem acompanhava. Depois, no Maracanã, antes da bola rolar, uma foto em homenagem a cantora no telão.

Só que no intervalo, um vídeo onde ela cantava “não consegui dizer adeus” fez o público no Maracanã aplaudir de pé. Vai ser difícil mesmo dizer adeus.

 

Facebooktwitterpinterest

Post Author: Cristina Dissat

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.