Denúncia: Problemas no Entorno do Maracanã para a Final da Recopa

Facebooktwitterpinterest

Nesta manhã de quarta-feira – a Quarta Feira de Cinzas – moradores do entorno no Maracanã foram surpreendidos com a chegada de vários carros reboques que, a partir das 8h da manhã, começaram a rebocar os carros estacionados em ruas como a Conselheiro Olegário, Arthur Menezes e Visconde de Itamaraty. Foi um alvoroço geral, já que eram muitos carros de moradores e de quem havia trabalhado no plantão do Hospital Badin.

*ATUALIZAÇÃO IMPORTANTE: Recebemos uma ligação da SEOP, um pouco antes das 18h, informando que os carros rebocados pela manhã estão liberados e os motoristas podem retirar sem nenhum custo. Gostaríamos que isso fosse melhor, mas já é uma etapa importante.

Qual a explicação? Sinalizações proibindo estacionamento em função do jogo no Maracanã entre Flamengo x Indepediente Del Valle, pela Recopa, organizado pela Conmebol.

Reclamação generalizada porque não havia sinalização na véspera e todos foram pegos de surpresa. Apuramos e conseguimos fotos feitas por moradores que mostram que a sinalização provisória foi colocada, por exemplo, na Rua Conselheiro Olegário, cinco minutos antes de iniciarem os reboques.

Não teve nenhuma aviso para os moradores, nem a atitude poderia ser tomada sem aviso prévio.

Além de imagens com registro de horário, existem câmeras em algumas ruas e os moradores já está localizando os vídeos, com o mesmo horário. Ou seja, a sinalização foi colocada cinco minutos antes de começarem os reboques.

Isso Não É Copa do Mundo

Os moradores do entorno do Maracanã já estão acostumados aos transtornos causados por grandes eventos e fazem programação até pra receber alguma visita nas suas casas, mas o que aconteceu nesta quarta-feira é inadmissível.

Sem aviso, com abuso de autoridade e nenhum prazo para que os carros fossem retirados. Algumas pessoas ainda trabalhavam no Hospital Badin e por ser Quarta-Feira de Cinzas, muitos não trabalharam e dormiam até mais tarde.

É apenas um jogo e deveria ter ocorrido um planejamento. Somente na Copa do Mundo e Olimpíadas tivemos um esquema desse nível e com os moradores sendo informados no prazo correto.

O que temos obter de resposta e até agora – 16h40 – não tivemos:

  • Quando isso foi decidido?
  • Quem concordou com esse planejamento de proibir estacionamento às 8h?
  • Quem deveria ter informado à população?
  • Quem solicitou esse absurdo?

Mandamos essas perguntas e até agora não tivemos nenhuma colocação da Prefeitura do Rio, da CetRio ou de nenhum órgão responsável por isso.

Iniciamos a denúncia de manhã, pelo twitter do @fimdejogo e outros moradores de ruas transversais começaram a enviar fotos do mesmo problema. Foto da Cristina Lemos, na rua Visconde de Itamaraty.

Autoridades

Conseguimos o informe que foi passado para a imprensa no dia 20 de fevereiro, segundo o texto, e não há informação sobre proibição de estacionamento a partir das 8h.

Na Ata da Federação de Futebol do Rio de Janeiro também não há informação sobre esquema de reboques de carros desde o início da manhã. Ou seja, é uma situação arbitrária e feita sem nenhum comunicado a moradores.

Além de jornalista, sou moradora, ou seja, o aviso não foi feito aos moradores e no dia anterior não havia sinalização nas ruas, informando da proibição. 

A seguir o press release enviado aos jornalistas – recebemos só hoje.

PREFEITURA MONTA ESQUEMA ESPECIAL DE TRÂNSITO
RECOPA SUL-AMERICANA: FLAMENGO X INDEPENDIENTE DEL VALLE – MARACANÃ

Na quarta-feira, dia 26 de fevereiro de 2020, ocorrerá o jogo da Recopa Sul-Americana entre Flamengo e Independiente del Valle no estádio do Maracanã às 21h30.

Para atender o movimento de público esperado e minimizar os impactos no trânsito, a Prefeitura através da CET-Rio montou um esquema de tráfego especial para essa partida. A operação de trânsito contará com a participação de 145 homens, entre Guardas Municipais, controladores da CET-Rio e equipes de apoio, com 10 veículos operacionais e 20 motocicletas, que trabalharão para manter a fluidez, coibir o estacionamento irregular, ordenar os cruzamentos, orientar pedestres e efetuar os bloqueios durante todo o período do evento.

Serão ainda utilizados 10 painéis de mensagens variáveis móveis e fixos que informarão sobre os horários dos diversos fechamentos e as rotas alternativas. Planos semafóricos especiais serão implantados para garantir a fluidez e o Centro de Operações Rio (COR) fará o monitoramento de toda a área do evento com câmeras, permitindo que técnicos da CET-Rio implantem ajustes na programação dos semáforos em função das condições do trânsito em cada momento.

Não serão criadas áreas de estacionamento para o evento, o que, aliado às diversas interdições previstas, não recomenda a utilização de automóvel particular. A Secretaria de Ordem Pública (SEOP) atuará com reboques baseados em pontos estratégicos e circulando na área de abrangência do evento com a finalidade de reprimir o estacionamento irregular e garantir a fluidez do tráfego. Os veículos estacionados irregularmente serão removidos para os depósitos públicos municipais. Além disso, 5 reboques da CET-Rio serão posicionados para desobstrução das vias em caso de quebra de algum veículo na região.

PRINCIPAIS INTERDIÇÕES

A partir das 18h
• Rua Eurico Rabelo, entre a Av. Prof. Manoel de Abreu e a Av. Maracanã;
• Rua Visconde de Itamarati, entre a Rua Eurico Rabelo e a Rua São Francisco Xavier;
• Rua Isidro de Figueiredo;
• Rua Conselheiro Olegário;
• Rua Artur Menezes;
• Av. Professor Manoel de Abreu, sentido Av. Pres. Castelo Branco, entre a Rua Dona Zulmira e a Av. Pres. Castelo Branco;
• Av. Maracanã, ambos os sentidos, entre a Rua São Francisco Xavier e a Rua Mata Machado;
• Viaduto Oduvaldo Cozzi, nos acessos à Avenida Maracanã;
• Av. Presidente Castelo Branco (Radial Oeste), sentido centro, no trecho compreendido entre a Rua São Francisco Xavier e a Rua Gen. Canabarro.

ROTAS ALTERNATIVAS

Os veículos deverão utilizar as seguintes rotas alternativas:
Provenientes do Centro e Zona Sul
• Para Tijuca, utilizar rota da Paulo de Frontin e Satamini ou seguir pela Praça da Bandeira, Rua Pará/ Rua Paraíba e Rua Mariz e Barros;
• Para Vila Isabel e Grajaú utilizar rotas acima e em seguida Rua Major Ávila e Rua Felipe Camarão;
• Para região do Grande Méier, utilizar a rota da Rua Visconde de Niterói.

Provenientes da Tijuca, Grajaú, Vila Isabel e entorno
• Para Centro e Zona Sul, utilizar a rota Conde de Bonfim – Haddock Lobo.

Provenientes do Grande Méier
• Para Centro e Zona Sul, utilizar a rota da Rua Visconde de Niterói.

MORADORES DO ENTORNO

O acesso de veículos dos moradores do entorno imediato do Maracanã – ruas Prof. Eurico Rabelo, Visconde de Itamarati, Isidro de Figueiredo, Artur Menezes e Conselheiro Olegário, será feito acessando a Av. Paula Sousa e R. Prof. Eurico Rabelo, mediante apresentação de comprovante de residência.

Devido ao grande número de pedestres na área bloqueada é solicitado aos moradores que, sendo possível, ajustem os horários de seus deslocamentos, evitando circular de carro nos horários das interdições.

RECOMENDAÇÕES IMPORTANTES
• Utilizar transporte público (Metrô e Trem) para chegada e saída do evento;
• Táxis, vans e veículos não credenciados não passarão pelos bloqueios;
• Moradores deverão portar comprovante de residência.

 

Facebooktwitterpinterest

Post Author: Cristina Dissat

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.