Como Foi a Rodada dos Cariocas no Brasileirão

Facebooktwitterpinterest

Você pode estar estranhando nossa publicação, mas tanta coisa mudou e continua mudando nas coberturas, que aproveitando a liberdade que temos aqui no FimdeJogo resolvemos entrar também com o nosso “geladão” (informes de longe e não direto do estádio).

A ideia aqui não é sair comentando e nem analisando tudo o que rola nas quatro linhas, mas observar coisas diferentes que envolveram as partidas dos cariocas nos jogos desta quarta-feira.

Uma das formas foi uma experiência de não assistir nem ouvir o rádio e ficar de olho nas transmissões ao vivo pelo Twitter. Será que os torcedores têm a mesma opinião do que os analistas e especialistas? Isso vai ser difícil, mas teve um pouco de tudo na rodada.

Flamengo 3 x 0 Sport no Maracanã

O Flamengo teve dificuldade contra o Sport no primeiro tempo. O time foi devagar e não conseguiu sair da boa marcação da equipe pernambucana. Mas, no segundo tempo, a história mudou.

Pedro foi o cara do jogo, marcando duas vezes (primeiro e o terceiro) e arrancando ainda mais elogios da torcida nas redes sociais. O zagueiro Gustavo Henrique marcou o segundo gol.

No final, o meio-campo Thiago Maia ainda fez uma brincadeira tirando o cartão vermelho da mão do árbitro e “expulsando” o lateral Patric, do Sport. O jogador do Flamengo ainda levou o cartão de lembrança.

Com o resultado, o rubro-negro chegou à vice-liderança do Brasileirão e está a três pontos do Atlético Mineiro.

foto Alexandre Vidal/Flamengo

Bahia 3 x 0 Vasco no Pituaçu

A vitória do Bahia foi construída toda no primeiro tempo. Em 45 minutos, o time baiano envolveu o cruzmaltino e fez 3 a 0 com facilidade. Rossi, Gilberto e Claysson fzeram os gols. O Vasco deu um único chute ao gol no primeiro tempo.

No segundo, o Vasco mexeu mas as dificuldades para criar persistiram. O Bahia, por sua vez, diminuiu o ritmo. Ao final do jogo, o time carioca ainda teve um jogador expulso.

Com a derrota, o Vasco acumula quatro jogos sem vitória e se afastou da zona de classificação para a Libertadores. Para piorar, houve confusão no aeroporto no retorno do time ao Rio de Janeiro e o técnico Ramon foi demitido nesta quinta-feira. Isso tudo às vesperas de um clássico regional. Sábado tem Vasco x Flamengo em São Januário.

Goiás 2 x 4 Fluminense na Serrinha

Lei do ex, marca especial, homenagem e virada: foi assim o jogo entre Goiás e Fluminense.

O time da casa saiu na frente com Rafael Moura, que homenageou a mãe, que faleceu recentemente, e se emocionou. Mas se o Goiás contou com a lei do ex, o Fluminense também. Yago Felipe empatou ainda no primeiro tempo.

A virada veio no início do segundo tempo com o homenageado da noite e com VAR. Fred, que completava 300 jogos com a camisa tricolor, fez o segundo.

Só que o VAR entrou em ação novamente e marcou pênalti para o Goiás. Rafael Moura deixou tudo igual de novo. Mas Nenê e Digão fecharam o placar para o Flu, que encostou no pelotão de cima.

Botafogo 2 x 1 Palmeiras no Nilton Santos

Com treinador interino, Bruno Lazaroni, o Botafogo encontrou o caminho das vitórias e, de quebra, acabou com a invencibilidade do Palmeiras no Brasileirão.

Mas a construção da vitória não foi fácil. Os gols só saíram no segundo tempo. Teve VAR, pênalti defendido e o alívio no final.

Pedro Raul abriu o placar. Caio Alexandre ampliou, mas só pôde comemorar depois da confirmação do gol pelo VAR.

O Palmeiras pressionou, diminuiu e quase empatou. Mas Diego Cavalieri defendeu o pênalti batido por William e garantiu o triunfo que tirou o alvinegro da zona de rebaixamento.

 

Facebooktwitterpinterest

Post Author: Equipe Fimdejogo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *