Final Incrível de Flamengo 83 x 82 Paulistano

Facebooktwitterpinterest

Que o basquete proporciona um batimento cardíaco fora do normal a gente sabe, ainda mais com a paixão pela laranjinha que nós temos. Só que hoje, na semifinal do Super 8 entre Flamengo e Paulistano, essa sensação passou da conta.

Um jogo difícil, de muita intensidade e com um placar justo o tempo todo. Foi um final de infartar. Nos segundos finais, o Paulistano passou no placar em dois pontos. Não haveria outra saída. Somente uma bola de 3 para levar o Flamengo para a final do Super 8. E ela veio. Início do ataque nos 9 segundos de partida, bola no ataque, Olivinha passa a bola para Didi. Cesta de 3 e fim de jogo. Alucinante.

 

O ponto decisivo foi de Didi, que havia chegado da Austrália, onde estava para acompanhar o nascimento do filho, na véspera. Um entrosamento perfeito com o time e a frieza para aquele arremesso de três pontos nos últimos segundos. Por um ponto, o Flamengo venceu a semifinal. (fotos Celso Pupo/DC Press)

Susto e Reconhecimento

As partidas de Gui Deodato têm sido perfeitas, mas ainda não tínhamos ouvido a torcida gritando o nome dele. Hoje depois de uma descida, pisou em alguém e todo mundo preocupado que tivesse sido uma lesão. Ao sair de quadra, a torcida cantou muito e isso mexeu com ele. Na zona mista, ele contou como foi significativo aquele momento.

 

Temporal pré-jogo

Junto com o fim da tarde vieram as nuvens e pesadas. A tarde escureceu e a chuva veio com vontade. O jeito foi esperar até seis e pouco da tarde para sair para o Maracanãzinho. Nosso repórter, Oliver Moraes, nem conseguiu sair da estação Maracanã e o jeito foi voltar.

O temporal veio com muitos raios e o Maracanãzinho também sofreu as consequências. Goteiras pingaram durante um bom tempo em quadra e a alternativa foram baldes e depois manter o trabalho de secagem sem parar. Não conseguimos confirmar, mas a informação que tivemos foi que equipes foram até a área externa do ginásio para encontrar soluções e parar o pinga pinga.

O jogo começou com cerca de 20 minutos de atraso.

Fugindo do padrão

Sempre que as partidas acabam existem uma série de etapas e protocolos, com as entrevistas na Zona Mista, depois os jogadores indo até aos torcedores etc. Hoje tudo saiu desse procedimento porque a emoção que se viu no Maracanãzinho foi especial. A garotada esperou as entrevistas, mas todo mundo para todo lugar comemorando e vendo a alegria dos jogadores. Protocolos hoje? Pra que. Em vários momentos é preciso entender que acompanhar essa emoção também é tema da reportagens.

Facebooktwitterpinterest

Post Author: Cristina Dissat

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *