Champions League Américas e um Jogo Histórico entre Flamengo 66 x 64 Instituto Córdoba

Facebooktwitterpinterest

Um jogo histórico de basquete no Maracanãzinho marcou mais uma etapa da Liga dos Campeões da América. Uma virada que empolgou a torcida presente ao Maracanã, fez Olivinha e Marquinhos se abraçarem de forma emocionante e ainda contaram com a vibração de Gabigol, Filipe Luis, Jorge Jesus e João de Deus.

 

O Jogo

Depois de estar perdendo quase toda a partida, o Flamengo venceu o time do Instituto Córdoba pela Champions League das Américas por 66 a 64, numa virada que até os últimos minutos parecia improvável. (fotos do jogo, Celso Pupo)

O time rubro-negro jogou mal toda a primeira parte do jogo, e ficou atrás no placar quase todo o jogo, chegando a ter uma desvantagem de mais de 10 pontos, mas conseguiu se recuperar e chegar na final.

Apoio Especial

Para apoiar e incentivar a presença da Torcida no basquete, Gabigol, Filipe Luís e Jorge Jesus entraram em quadra nos intervalos dos jogos.

Logo nos primeiros segundos de jogo a torcida já mostrava que estava ali pra fazer o trabalho de empurrar o Flamengo. A partida começou apertada e com muitas faltas e erros de arremessos dos dois lados, mas o time de Córdoba teve boa vantagem nos primeiros minutos. Apostando muito nos contra ataques eles terminaram o primeiro quarto na frente, 19 a 12.

A segunda etapa começou parecida, com o Flamengo chegando a ter 10 pontos de desvantagem. Aparentemente o apoio da torcida não chegava na quadra e o time parecia lento e sem precisão. Já o terceiro quarto o time argentino ganhando por 41 a 21 viu a vantagem foi diminuindo e a cada cesta do Flamengo a torcida se inflamava. Com o time jogando cada vez melhor a sintonia entre quadra e arquibancada começava a funcionar, por metade do terceiro período, só o Flamengo pontuou.

A pressão fez com que o time de Córdoba tivesse uma impressionante sequência de erros de ataque e faltas desnecessárias, porém os argentinos melhoraram. O jogo voltou a ficar equilibrado no final do terceiro período e a vantagem ficou em 10 pontos. O último período foi mais forte para o Flamengo, que consegui se aproximar no placar, até empatar em 52 a 52 faltando 5 minutos para o fim do jogo.

Os últimos momentos da partida foram de pura emoção a cada lance. O jogo ia esquentando tanto na quadra como nas arquibancadas, e com essa força o Flamengo consegui virar o jogo e abrir vantagem. Ainda assim, os segundo finais do jogo ainda reservavam muita tensão para as duas equipes. Faltando 5 segundos para o fim, o placar estava 66 a 64 para o Flamengo, e assim permaneceu até o final da partida.

Flamengo vai para a final do torneio e aguarda o vencedor da partida entre San Lorenzo e Quimsa.

*Texto de Daniel Fernandes, aluno da UVA, dentro do projeto educacional entre o FimdeJogo e Agência UVA. Supervisão Cris Dissat. A cobertura no Twitter do projeto @fimdejogoaguva foi feita por Luhan Alves, monitorada pelo @fimdejogo. 

Facebooktwitterpinterest

Post Author: Cristina Dissat

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *