Brasileirão 2019: Flamengo 3 x 1 Atlético Mineiro

Facebooktwitterpinterest

Tudo o que os torcedores do Flamengo queriam hoje era uma vitória. Só que, na verdade, foi mais do que isso. Um ótimo jogo do time rubro-negro, um altíssimo acerto de passes, controle do jogo e pressão no adversário. O Atlético Mineiro conseguiu marcar um gol – com Nathan – no início do segundo tempo, mas não abalou a dinâmica de trabalho do Flamengo. (foto Celso Pupo)

Reinier comemora gol durante Flamengo x Atlético-MG,

Vitinho marcou e foi muito aplaudido. Arão mais uma vez fez excelente partida e marcou também, assim como Reinier. Novamente a torcida rubro-negra cantou o nome de Jorge Jesus – Ole ole ole ole, Mister Miste, que ecoou pelo Maracanã.

 

Arquibancadas do Maracanã

Mais um jogo com Maracanã lotado. E o setor Sul que anda recebendo um bom público tem tido participação importante nos jogos. Quando a torcida visitante começa a cantar, eles cantam mais forte e abafam o pessoal.

Teve luz de celulares, iluminando o Maracanã, ola e tudo mais. Foi só festa no Maracanã com 63.385 presentes, 58.788 pagantes e renda de R$ 3.162.223,00. (foto Cris Dissat)

Chegada da Torcida do Flamengo

Hoje tivemos uma boa variação no comportamento dos torcedores na chegada ao Maracanã para o jogo entre Flamengo e Galo. O horário de 20h em uma quinta-feira. Era antes das cinco da tarde e já dava para ouvir barulho do pessoal chegando, só que o volume de gente aumentou muito passava das sete e vimos uma galera correndo pelo anel externo das arquibancadas, cantando enquanto o time já entrava em campo.

Só que não vimos as bilheterias com problemas. Passamos por todas e algum movimento, mas sem fila nem problema para compra de ingressos. No início da noite ainda havia para os setores Maracanã Mais, Oeste e Leste Inferior.

Estacionamento no Maracanã

A batalha dos torcedores por um lugar tranquilo e de custo benefício razoável está difícil. O estacionamento dentro da UERJ continua fechado e sem previsão. O do Maracanã custa R$ 50,00 e em jogos de grande público é difícil conseguir. Flanelinhas fazem a festa e pra piorar ainda quebram grades e estão colocando os carros em um espaço que fica em cima do Rio Joana, perto da bilheteria 3. O problema é que “muita gente” olha e o pessoal vai colocando carro lá. Não pode, é lugar proibido. O que tem sido feito é que o reboque passa e leva todo mundo.

Facebooktwitterpinterest

Post Author: Cristina Dissat

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *