Rio de Janeiro no Primeiro Dia de Copa América

Facebooktwitterpinterest

Se a abertura da Copa América aconteceu em São Paulo no dia 14, foi neste sábado, dia 15, que as coisas começaram a ficar movimentadas no Rio de Janeiro.

O dia iniciou com nossa ida até o ponto de retirada de ingressos, que fica no Bondinho do Pão de Açúcar, na Urca. Além de credenciados estaremos presentes nas arquibancadas, porque compramos ingresso. Isso ajudou também a fazer um test-drive real e ajudar os torcedores.

Depois foi a vez de ir para o Maracanã acompanhar as duas coletivas e treinos de Paraguai e Catar que jogo no domingo, a partir das 16h, com cobertura do FimdeJogo.

Troca de Ingressos

Vamos as informações principais para facilitar:

  • A fila anda muito rápido, apesar de grande.
  • Estão funcionando muitos guichês dentro da área de troca (lá dentro não pode foto).
  • Se você comprou online, recebeu SMS e email com todas as instruções sobre o que precisa.
  • Leve o voucher impresso. Se perdeu ou não sabe onde guardou entre no sistema do site http://ingressos.copamerica.com.br – coloque seu login e senha que usou pra comprar e só baixar de novo.
  • Leve documento com foto e o cartão de crédito que usou pra compra.
  • Troca de ingressos até 24h antes do jogo que você comprou.

Fizemos tudo isso e não tivemos nenhum problema para a troca. Rápido e a fila serviu para ficar olhando o Pão de Açúcar.

No Maracanã

Tarde com coletiva e olhada nos treinos (só 15 minutos) e quem falou pelo Paraguai foi Gatito Fernandez e o técnico Eduardo Berizzo. Pelo Catar, Felix Sanchez Bas, o técnico, e Hassan Al-Haidos.

As curiosidades? Podemos filmar e fotografar com celular sem problemas. Só não são permitidas transmissões ao vivo. Na coletiva do Catar, o técnico ficou um pouco confuso em qual idioma iria falar. A confusão até relaxou o pessoal na coletiva.

Repórter brasileiro pediu que Gatito falasse em português, mas a orientação era em espanhol, já que estava representando o Paraguai.

Balanço do Dia

Facebooktwitterpinterest

Post Author: Cristina Dissat

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *