Libertadores: Flamengo 3 x 1 LDU

Facebooktwittergoogle_pluspinterest

Há tempos que a Torcida do Flamengo esperava um resultado de um jogo assim. Sair pela rampa monumental comemorando, com fisionomia de quem gostou do que viu. E com razão, afinal foram três gols – Eventon Ribeiro, Gabriel e Uribe – e uma defesa de pênalti de Diego Alves na hora perfeita. O gol da LDU foi de outro pênalti (Martinéz), quando o jogo já estava 3×1. (fotos Celso Pupo)

A defesa de Diego foi quase uma comemoração de gol e como não podemos filmar da Tribuna de Imprensa, mas ouvir sim. Então liguei o celular em tela preta e filmei. Só fechar os olhos e esperar o grito.

 

Teve mosaico, teve cantoria, teve ola, teve muito aplauso para todas as substituições e apoio o jogo inteiro para o time. A cara de Libertadores.

Nas arquibancadas um excelente público, com 62.440 presentes, 58.034 pagantes e renda de R$ 2. 596.530,50. Na saída, aquela descida da rampa monumental com comemoração, bom humor e sossego. O torcedor rubro-negro estava sentido falta desse clima. Desci por uma das rampas e quando virei para fazer a foto, outros torcedores resolveram olha e o impacto era muito legal. Vários cliques para guardar.

Antes do Jogo

Ficar de olho para passar as informações para os torcedores começou bem antes do habitual, mas sem sair de casa. Isso porque por volta das quatro da tarde, o tempo fechou, as nuvens pesadas chegaram acompanhadas de muitos raios e trovões. Será que ia complicar o jogo? Foi o que todo mundo pensou e nós também. De olho no Rio Joana, que poderia transbordar, monitoramos e íamos avisando pelo Twitter. Mas foi aquela pancada de verão, que durou cerca de uma hora e parou. Sem grandes estragos.

Surgiu a outra preocupação. As peças que haviam sido colocadas poderiam ter se estragado com a chuva e o vento. Realmente algumas peças ficaram danificadas e nós vimos, mas não atrapalhou o mosaico.

Zona Urbana no Entorno do Maracanã

Enquanto o esquema de trânsito foi todo montado com horários de fechamento de ruas, divulgação de mapas etc. Mas, em compensação, a zona urbana de camelôs foi caótica. A quantidade de vendedor de churrasquinho era tanta que parecia até fog de tanta fumaça. Lembrando que o problema é outro. Esse tipo de carrocinha é perigoso para os torcedores, tem espetos para servir e a circulação das pessoas fica muito prejudicada.

Mas pelo que vimos parece que tudo estava liberado, porque tudo acontecia livremente sem nenhuma repressão.

 

Facebooktwittergoogle_pluspinterest

Post Author: Cristina Dissat

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *