Carioca 2019: Bangu 0 x 2 Fluminense

Facebooktwittergoogle_pluspinterest

Sexta ainda é estranho pra jogo e é bom fazer foto e compartilhar para quem precisar confirmar que estava no jogo mesmo :). Hoje o que se queria era um jogo tranquilo e para Torcida do Fluminense foi com dois gols – Digão e Caio Henrique   – na vitória  no jogo com o Bangu.

Mas vamos logo ao início do jogo, quando os times entraram em campo. Diferente do habitual, a Torcida do Fluminense optou por mudar a cor do clássico “pó de arroz”, uma alusão à campanha feita nos últimos dias.

Estreia de Ganso que recebeu o carinho da Torcida. Em campo, logo no primeiro tempo, lances interessantes de quem tem bom conhecimento do futebol. Em algumas vezes, Ganso levantava a cabeça, olhava o posicionamento do time, escolhia o lado e fazia os lançamentos.

Presente ao Maracanã foi melhor do que nas últimas partidas com 20.946 presentes, 19.849 pagantes e renda de R$ 510.202,00.

Dia de fazer foto dos times – fotos Celso Pupo

Antes do Jogo

O movimento no entorno do Maracanã começou a aumentar por volta das sete e meia da noite. Nessa hora era um pouco complicado entrar na Rua Isidro de Figueiredo, onde fica o Bar dos Esportes. Já morei lá, mas, naquela época, a concentração de torcedores não acontecia por ali.

Hoje, parece que vc entrou em uma churrascaria daquelas cheias de fumaça. Se por um lado, os torcedores gostam, é bom lembrar que muitos ambulantes estão parando as carrocinhas com gás e outros apetrechos para fritar a comida. No ano passado tivemos uma carrocinha de pipoca que pegou fogo e por pouco não era algo mais grave. Além disso, espetos, garrafas etc acabam virando uma montanha de lixo depois do jogo e podem ser usadas para piorar as confusões, quando acontecem.

Bilheterias e Trânsito no Maracanã

Tanto a número 1 – na Avenida Maracanã – quanto a 2 – na Rua Eurico Rabelo – tiveram filas para a compra e troca de ingressos para o jogo. A opção de fechar a Rua Eurico Rabelo quase sempre acontece nos jogos do Fluminense. Mas vale lembrar à CetRio que quem não vai ao jogo não sabe das mudanças dos trajetos dos ônibus. Nesta sexta, que não é dia habitual de jogo, tinha gente perdida atrás de onde encontrar o ponto e pegar o ônibus pra ir pra casa.

Estacionamento

Andam aparecendo vários estacionamentos no entorno, sendo que alguns são oficiais e outros nem tanto. O que é mais difícil de falar que é estacionamento é o Célio de Barros, que a entrada é pelo portão 9, na Rua Eurico Rabelo, mas chamar o que já foi um estádio de atletismo de estacionamento é duro. Colocaram o preço igual ao da UERJ de R$ 30,00. O oficial do Maracanã é R$ 50,00. Agora se a Rua Eurico Rabelo fecha ao trânsito, como faz?

Facebooktwittergoogle_pluspinterest

Post Author: Cristina Dissat

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *